Peru, Bolívia e Argentina estão no percurso do Rally Dakar 2016

Publicado por em 17 de Abril de 2015

Etienne Lavigne foto: DPPI/ASO/F. LE FLOC'H

Etienne Lavigne
foto: DPPI/ASO/F. LE FLOC’H

A organização do Rali Dakar divulgou na quinta-feira os países que farão parte do percurso da principal competição off-road do planeta em 2016. Peru, Bolívia e Argentina sediarão a 38ª edição, a oitava na América do Sul, que será realizada de 3 a 16 de janeiro. A partida acontecerá em Lima, capital peruana, e a chegada, em Rosário, tradicional cidade argentina.
O novo trajecto dá um aspecto único à rota da próxima edição da mitica prova do todo-o-terreno . Um dos desafios será as dunas peruanas, onde os participantes terão que mostrar suas habilidades. Depois de enfrentar este longo corredor de areia entre mar e as montanhas, o rali vai explorar a Bolívia, que recebe o rali pela terceira vez. No próximo ano a competição cruzará o país e os seus planaltos até chegar ao Lago Titicaca. A mudança na configuração da prova vai trazer um aumento de altitude que testará a capacidade de adaptação física e tecnicamente dos pilotos e navegadores.

Por fim, a fase de resistência extrema será na Argentina, país fiel ao Dakar desde a chegada da competição no continente sul-americano. A viagem em direcção ao sul, rumo a Rosário vai levar o desafio por territórios com diferentes características. Assim, enfrentar o Dakar 2016 exigirá não só robustez, mas também concentração e sabedoria.

Este será a primeira edição, entre as realizadas na América do Sul depois do rali ter deixado Africa, que não passará por trilhos do Chile devido à canalização do financiamento para socorrer aos desastres naturais que abalaram o país. Embora a organização tivesse previsto antes um percurso que englobasse os quatro países sul-americanos, “os organizadores viram-se obrigados a rectificaram o traçado para tirar o deserto do Atacama sem perder toda a originalidade e especificidade que o Dakar deve ter,” confidenciou o director da prova, Etienne Lavigne.

  • Pin It
  • Print Friendly and PDF

Você deve estar logado para comentar Login